-->

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

A Arte de Escutar

Jiddu Krishnamurti
Madanapalle - 11 de maio de 1895
Ojai, 17 de fevereiro de 1986

"(...) acredito ser indispensável aprender a arte de escutar. Aprender a escutar, não apenas o orador, mas os corvos, o barulho, escutar a música favorita, escutar o marido ou a esposa. Porque, na verdade, não escutamos as pessoas, escutamos distraídos e chegamos logo a certas conclusões ou procuramos explicações, mas nunca escutamos de fato aquilo que a pessoa nos diz. Vivemos sempre a traduzir o que os outros dizem."

De "Sobre o Medo" (On Fear) - Krishnamurti - Cultrix - página 11.

7 comentários:

Sabyrj disse...

Olá ... Me chamo Sabrina e estou encantada com o seu blog. Bom ... Eu sempre admirei a cultura oriental e sempre quis entrar em contato com o budismo, mas ainda sou uma mera espectadora de tudo isso, gostaria que se você pudesse, me recomendasse livros para que eu possa iniciar meus estudos sobre o budismo. Já pensei ir em sebos e pegar aleatóriamente alguns livros, mas queria primeiro a opinião de uma pessoa que já conhece bem os ensinamentos e ví em você tudo isso. Vou deixar meu Email aqui , caso você possa me enviar o nome de algum ou alguns livros, fico agradecida desde já e peço desculpas pelo incomodo.

sabrina18rj11@hotmail.com

Abraços.

Jad disse...

Ola, moro em Salvador e passei a frequentar um centro Budista(que vem me ajudando bastante), porem trata-se de uma escola Kadampa. Fiquei surpreso ao ler a nota que foi colocada em seu blog,e confesso que nao entendo como o Dalai Lama que pede p/ que tenhamos compaixao c/ os inimigos,pede p/ nao reconhecermos e reprovarmos um mestre Budista por seguir outra linhagem,mas nem por isso deixa de praticar o bem(repito, está me trazendo beneficios).Desculpe a ignorancia,penso que devemos unir,agregar e nao separar ou excluir praticas que sao p/ o bem de todos.

ROGEL SAMUEL disse...

excelente, Krishnamurti é uma de minhas leituras preferidas... melhor é ouvi-lo, há vários vídeos no youtube...

Analuiza disse...

Pema, conheci hj o teu blog e estou encantada. Certamente não irei postar comentários diariamente, mas com certeza fará parte dos que visito com frequencia. Se não for muita petulância e como a minha curiosidade é a mesma da Sabrina, sugiro a você um espaço para a bibliografia. Assim cada um poderia fazer uma contribuição e socializar o seu aprendizado.
Abraço

Pema Lodrön disse...

A escola Kadampa existe e sempre existiu e não há nenhum problema com ela. Mas a Nova Tradição Kadampa ou New Kadampa Tradition liderada por Geshe Kelsang Gyatso é que não é aprovada pelo governo tibetano no exílio. Quem segue o Dalai Lama não participa dessa prática. Sua Santidade diz sim que devemos ter compaixão com os inimigos. Mas a compaixão não acompanhada da sabedoria é como um pássaro de uma só asa. É como se você quisesse dormir com uma cobra porque lá fora faz frio. Isso pode ser compaixão, mas não está acompanhado da sabedoria. Trazer benefícios e ajudar só a você não é o caminho. Temos que trazer benefícios para todos os seres! Veja bem: se você está bem, mas seu vizinho não, e ele chega até a você com uma reclamação aos gritos, infeliz, raivoso, você ficará feliz com isso? Será beneficiado? Enquanto houver guerra dentro de nossas mentes, não haverá paz em lugar algum. Acho que não preciso me explicar tanto. Você terá discernimento para compreender. E não se desculpe pela sua ignorância. Somos todos ignorantes enquanto não descobrirmos a natureza pura de nossa mente, a nossa natureza búdica, o Deus dentro de nós.

Antonio Caldas Coni Neto disse...

Muito legal o seu blog...
Sou bloggeiro novo...
Dá uma passadinha lá no meu...
http://antoniocaldasconineto.blogspot.com/

Anônimo disse...

Boa tarde. Por favor, se você tem como provar as acusações que faz contra a NKT, por favor, vá até a delegacia mais próxima e denuncie, porque tudo isso que você lista são crimes! Aí, sim, você estará sendo útil. MAS, se não tem como provar, retire essas acusações levianas, por favor, que só confundem as pessoas e prestam um desserviço ao Santo Darma. Muito obrigado.

Postar um comentário